Toyx tenta desconstruir a brincadeira e a inocência dos objetos, redefinindo-os em elementos totalmente diferentes. O surreal, às vezes hiper-realista, às vezes sexual, às vezes violento. Um inocente urso de pelúcia, ou mesmo um ainda mais inocente chocalho, antes velhos conhecidos, são reorganizados para criar desconforto, transgredindo o conceito do que é um brinquedo, na teoria. Esta luta entre o real e o imaginário cria um paralelo que por si só se desdobra em novos significados quando os brinquedos abandonam seu significado original e se tornam TOYXXXX. Isto acontece sem que seja preciso mudar a forma, o que só ocorre na mente do observador que abandonou sua própria inocência. Essa transformação esconde dores, segredos, pecados, culpa... tão explícitos no uso, não sem razão, dos pregos: maior símbolo de ataque ao que é puro na cultura cristâ. Essas fotoesculturas introduzem uma perspectiva diferente do objeto apenas pela sua manipulação e podem definir o que são e para quem os TOYX foram feitos. A questão permanece a mesma, o observador não.

 

TOYX is built with the same proposition. TOYX tries to deconstruct the playfulness and innocence of objects, redefining them into completely different elements. The surreal; sometimes hyperrealism, sometimes sexual, sometimes violent. An innocent Teddy Bear, or an even more innocent rattle, at some point familiar objects, are rearranged to create a discomfort, transgressing the image of what that toy is, in theory. This struggle between the real and the imaginary creates a parallel which itself unfolds in a new meaning turning the TOYX into a game with an emphasis on the loss of innocence when TOYS abandon their primary meaning and become TOYXXX. This happens despite no shape change, except in the mind of the observer who abandoned its own innocence. This transformation hides pain, secrets, sins, guilt ... so explicit in the use, not unreasonably, of the nails: maximum attack symbol to what are purest in Christian culture. These "PhotoSculptures" introduces a different perspective of the object only by their manipulation could be possible to define what and to whom these TOYX are made. The question remains the same, but the observer doesn't.

Technique: Photography on Hahnemühle Canvas Poly-Cotton Paper - 340gsm

Dimensions: 300 cm x 150 cm (Editions: #5)

Dimensions: 56 cm x 34,5 cm (Editions: #25)

Date: 2016